Tudo ao mesmo tempo agora.

Blog (semi)abandonado por diversos motivos. Um deles e mais obvio ja era de se esperar, paternidade é realmente como dizem muito trabalhoso, mas cada minuto é worth it.

Alem disso, tivemos uma breve visita da minha mae esses dias e ainda temos mais novidades para breve. Tirei dois dias de folga no trabalho, mas mesmo assim nao deu tempo de fazer muita coisa, o tempo voou. Domingo ja fui deixa-la em Montreal de onde ela seguia viagem para os USA. A saudade sempre é pior quando vemos a familia e amigos, quando deixamos ela quietinha no canto dela ate que nao incomoda muito. Mas se os planos derem certo faremos uma visita ao Brasil ainda esse ano para apresentar o pequenino ao pessoal do Brasil.

No fim das contas, a unica coisa que faz voce parar para pensar se algum dia voltara ao Brasil é isso: familia e amigos. Fora isso nao vejo outro motivo.

Bom, é isso, apenas um rapido post mais pessoal que informativo, até a vida voltar aos trilhos nao tem como ser diferente. E tem mais novidade vindo por ai…

 

Advertisements

Novo membro da familia

E nossa familia cresceu. Foi um dia/noite longo e cansativo (e ainda esta sendo e vai ser por mais uns 18 anos no minimo…hahah), mas tudo deu certo no final. Nao foi o parto que escolhemos mas foi o que Deus nos providenciou, Ele sempre sabe mais que nos (e acredito que foi melhor assim apesar de tudo).

Lucas

A ficha ainda ta caindo, mas segundo a Claudia desde o inicio me mostrei ser um pai nato.  Mas eu tambem sou o mais velho de 4 irmaos, alguma coisa devo ter aprendido.

Great news!

Faz um bom tempo que nao escrevo, mas esse post sera pessoal e nao informativo, se me permitem.

Ha pouco mais de um ano atras eu estava passando por um desses momentos dificeis quando descobri que tinha cancer. Nao era cancer terminal, mas de qualquer forma, so em saber que voce tem uma bomba-relogio dentro de voce nao eh facil e da a medida de sua finitude. Na mesma epoca do ano passado,  a morte rondava. Esse ano a mensagem eh vida.


Ta pequenino ainda, mas ja deu pra ver o coracaozinho batendo. Eh tudo meio surreal ainda, apesar de ter sido planejado (queriamos desde antes sair do Brasil), demora para a ficha cair, mas ja me sinto pai.  Eu nao sei exatamente o que falar, o que posso dizer eh que estamos muito felizes e o ano que vem promete!

Para quem interessar, a Claudia fala mais no blog dela.